Acesse nossas flores anteriores

ÁRVORE-DA-CHINA
 

NOME POPULAR:         coreutéria, árvore-da-china 
                                                                                         
NOME CIENTÍFICO:   Koelreuteria bipinnata
                                
FAMÍLIA:                  Sapindáceas

   

DESCRIÇÃO:          Originária da China, esta árvore de copa aberta e folhagem  verde brilhante alcança até  15m de altura.  As flores, de um amarelo vivo, surgem no final do verão, sendo seguidas pela frutificação, de coloração alaranjada, o que  chega a criar a falsa impressão de que a árvore floresce em duas cores. Em regiões frias, a folhagem torna-se amarelada no outono. O gênero Koelreuteria  inclui 3 espécies semelhantes: K. bipinnata, K. panniculata e K. elegans.

 CULTIVO:                Bastante rústica e  pouco exigente quanto à qualidade do solo, vai bem  em regiões de clima temperado, mas aceita também o clima subtropical.  

FLORAÇÃO:            Tanto a floração, no final do verão,  como a frutificação, no outono, são belos espetáculos de cor e  fazem da árvore uma atração especial, onde quer que esteja.

PROPAGAÇÃO:       Reproduz-se por sementes alojadas no interior de frutos vermelho-alaranjados, compostos por 3 lojas ou "folhas". A planta se auto reproduz por mudas formadas por sementes que germinam à sua volta.

   

USOS
:                 
É usada para a arborização de parques e jardins. Na cidade de São Paulo, ela pode ser admirada em várias vias públicas: Rua Tucumã, em frente ao Clube Pinheiros; Estrada de Itapecerica, próximo à Vila das Belezas; em Parelheiros, no Templo Messiânico (foto central no alto da página). Na cidade  de São Roque,  várias ruas  são arborizadas com esta bela árvore.