Acesse nossas dicas anteriores


JARDIM-NO-PRATO


           

 O jardim no prato reproduz uma paisagem ou canteiro em recipiente baixo e aberto, de qualquer tamanho. Ocupa pouco espaço e é montado com cactos e suculentas, plantas que exigem pouca água e manutenção.

  Material
- Base com cerca de 5cm de profundidade, de barro, vidro ou  plástico, com ou sem furo de escoamento; pode-se usar aqueles pratos que servem para aparar a água da rega dos vasos.
-  Cactos e suculentas de pequeno porte e crescimento lento.
- Terra adubada e areia de construção.
-   Pedrisco miúdo, pedras, lascas de pínus, acessórios, etc. para decorar (opcional).  

Montagem
  Ponha uma camada de pedrisco no fundo da base.  Complete até pouco abaixo do bordo com mistura de 1 parte de terra e 1 de areia . Crie uma pequena paisagem plantando 2 ou mais cactos ou suculentas de altura, coloração, forma e textura contrastantes, para maior efeito.  Se quiser, cubra a terra com pedriscos e  complete seu projeto paisagístico  com algumas pedras ou lascas de pínus.

Manutenção
 Quando a terra estiver seca ao toque do dedo, acrescente um pouco de água, apenas o  suficiente para umedecê-la, sem encharcar.  Nas bases sem furos, a água acumulada no fundo acaba por apodrecer as raízes.

Usos
O jardim-no-prato vai bem  em interiores, sobre mesas ou bancadas, em local que receba algumas horas de sol por dia ou, pelo menos, que seja bem iluminado.